Comportamento

Apenas 44% das mulheres estão empregadas e machismo prevalece no mercado de trabalho

Nos últimos 50 anos, as mulheres têm deixado de atuar apenas no ambiente privado para também se lançarem no mercado de trabalho. Os avanços nas leis trabalhistas permitiram o crescimento dessa mão de obra. Em 2007, as mulheres representavam 40,8% do mercado formal de trabalho; em 2016, passaram a ocupar 44% das vagas. Os estados com menos diferença de participação no mercado de trabalho formal entre homens e mulheres são

Quadrilhas se aprimoram no golpe “Don Juan” e cresce o número de vítimas

Principal faixa etária das vítimas são mulheres com idades entre 40 e 50 anos A história parece roteiro de cinema: a mulher se apaixona e acaba descobrindo que na verdade tudo é um plano minucioso, e que ela não passa de mais uma peça em um tabuleiro de estelionato. No entanto, o assunto é real, e a própria Receita Federal divulgou na última semana um alerta sobre o denominado “golpe

Estilistas bento-gonçalvenses independentes abrem caminho na indústria da moda

O estilo casual, moderno e sustentável ganha destaque no cenário atual, e a criação de novas marcas oxigena o mercado, fomentando a ascensão de novos profissionais A indústria da moda independente ganha espaço entre estilistas brasileiros. Com foco no empreendedorismo criativo, a equipe da Gazeta conversou com três estilistas bento-gonçalvenses que apostam em peças diferenciadas e conquistam espaço no cenário underground da moda. Deisi Witz, Evelin Bordin e Luana Milani

Tradição e peculiaridades das festas juninas no Rio Grande do Sul

Junho é marcado pela crença em diferentes santos e a tradição de uma das festas mais populares do Brasil. Superstições e hábitos da festa no Estado ressaltam a importância das festividades Uns rabiscam de lápis um bigode, ou sardas e dentes pretos. Já outros, no lugar do traje puído e do chapéu de palha, aproveitam a oportunidade para vestir bombacha, botas e o lenço pachola. Nas festas juninas por aqui,

Casar pode não fazer bem à saúde

Juntar os trapos, ou melhor, casar, pode não fazer bem à saúde, conforme indica um estudo no qual 11 mil suíços foram acompanhados por 16 anos. Publicado na última edição da revista Social Forces, e realizado pela Universidade de Oxford, o estudo fazia os voluntários responderem a uma série de perguntas sobre saúde e incidência de doenças a cada ano. A união estável, para a maioria dos voluntários, não reduziu

Profissões à margem do preconceito

As fantasias utilizadas em um recreio temático por alunos da escola IENH – Fundação Evangélica, de Novo Hamburgo, despertaram críticas nas redes sociais. Em fotos e vídeo publicados no site Bombô no dia 17 de maio, os estudantes aparecem vestindo roupas que representam profissões que eles escolheriam caso não fossem aprovados no vestibular, daí o apelido do evento, Se Nada Der Certo. Os alunos vestiram-se de atendentes de lojas e

O tipo ideal de cada um

A beleza é uma palavra ligada à subjetividade. Para um, o belo pode ser uma coisa, para outro, outra, e assim por diante. Os ditos populares mais ligados ao assunto são “a beleza está nos olhos de quem vê” e “quem ama o feio, bonito lhe parece”. Estudos ligados à ciência buscam entender no quê as preferências estéticas se baseiam. Alguns chegaram à conclusão que as preferências são influenciadas por

Qual a fórmula da felicidade? Nietzsche, Spinoza e Maquiavel respondem

Será que existe uma fórmula, uma receita, um roteiro para uma vida boa e feliz? Pela quantidade de livros, vídeos, sites de “gurus” que existem por aí, aparentemente existem alguns passos ou hábitos que, se seguidos à risca, garantem sucesso, amor, dinheiro, felicidade, saúde, etc. A pergunta é: por que, então, há tanta gente infeliz e insatisfeita no mundo? Quando tenho contato com esse tipo de receita ou lista de

A vida a ser invejada através da tela do smartphone

Especialistas comentam o efeito do “exibicionsimo na web” e as consequências da ideia de uma vida boa que foi substituída pela de uma vida a ser invejada.” Com a democratização do acesso à internet e redes sociais, foram internalizados novos aspectos comportamentais e agregados novos valores sociais. Através destes contextos,criamos muitas vezes uma realidade pré-fabricada a partir das nossas carências afetivas e emocionais, sendo as redes sociais o grande termômetro

Saiba como é a celebração da Páscoa pelo mundo

Atualmente, quando as pessoas pensam na páscoa, lembram-se dos ovos de chocolate e do feriado. Porém, todos esquecem que é uma data religiosa e celebrada no mundo inteiro, e com tantas culturas distintas, a celebração acontece das mais diferentes formas. No Brasil, ela é comemorada com a família e muitos ovos de chocolate. A brincadeira mais conhecida que é feita com as crianças é onde os adultos escondem os ovos