Ministério da Educação anula processo contra a FSG

2015-04-10_190211
Segundo o diretor, o código da instituição foi inserido por equívoco no processo

O Ministério da Educação anulou a medida cautelar contra a FSG – Centro Universitário da Serra Gaúcha, que havia sido publicada em 19 de junho e que ameaçava a limitar as atividades da instituição. A medida anunciou irregularidades de instituições de ensino superior, investigadas pela Assembleia Legislativa de Pernambuco.
Entretanto, a FSG foi citada no processo sem ter relações com o caso. Segundo o diretor da unidade de Bento Gonçalves, Daniel De Lucchi, após o erro do Ministério, a diretoria da faculdade entrou em contato com o órgão para que houvesse a retração. “Nosso presidente fez uma visita em Brasília, para conversar a respeito. Nós somos uma referência no Estado e a nível nacional, e o impacto desta repercussão era algo quase que imensurável, então tomamos esta atitude”, explica.
Segundo o diretor, o código da instituição foi inserido por equívoco no processo. O despacho, de número 136, foi publicado no Diário Oficial da União na última sexta-feira (07).