Viticultura

Embrapa promove dias de campo sobre manejo de inverno da videira

A Embrapa Uva e Vinho promoveu nos dias 3 e 4 de maio de 2017, em Bento Gonçalves, dias de campo sobre manejo de final de ciclo para a prevenção de doenças, como a mancha das folhas e podridão descendente da videira. Na ocasião, também foram repassadas orientações sobre manejo de inverno e a poda das parreiras. O manejo Os tratamentos de inverno nos parreirais são fundamentais para impedir a

Dia de campo pós colheita e renovação de vinhedos

O pesquisidor Lucas Garrido, da Embrapa Uva e Vinho, está elaborando para os primeiros dias de abril a realização de dois encontros para apresentação de resultados de estudos. Segundo o pesquisador “observamos que depois das colheitas o agricultor geralmente não faz nenhum trabalho em seu vinhedo e as folhas caem precocemente, o que vai refletir em qualidade na próxima safra” O pesquisador quer mostrar aos agricultores da região, dois experimentos

Embrapa prepara dia de campo pós colheita e renovação de vinhedos

O pesquisador Lucas Garrido, da Embrapa Uva e Vinho, está elaborando para os primeiros dias de abril a realização de dois encontros para apresentação de resultados de estudos. Segundo o pesquisador “observamos que depois das colheitas o agricultor geralmente não faz nenhum trabalho em seu vinhedo e as folhas caem precocemente, o que vai refletir em qualidade na próxima safra” O pesquisador quer mostrar aos agricultores da região, dois experimentos

Safra da Uva encerra 30% superior a 2016

A safra da Uva 2017 está terminando com saldo positivo, afirma o enólogo do Grupo Valduga, Daniel Dalla Valle. Nesta quinta-feira, 23, termina oficialmente a safra e de acordo com o enólogo, a temporada termina sendo 30% superior que 2016. O grupo Valduga vai elaborar cerca de 3 milhões de quilos em vinhos finos. “O clima favoreceu para que esse ano tivéssemos uma safra muito boa, de muito trabalho, mas

Safra da uva 2017 tem produção superior a 700 milhões de quilos

Produção acima da média restabelece os estoques de vinhos e sucos perdidos com a safra de 2016, na qual ocorreu uma quebra de cerca de 50%  A safra da uva deste ano é analisada de forma positiva pelos pesquisadores da Embrapa, tanto em função da quantidade, quanto da qualidade. Em 2017, observando os vinhedos da Embrapa e de diversas áreas nas regiões vitícolas do Rio Grande do Sul, pelas condições

Embrapa apresenta novidades sobre reaplicação  de agroquímicos após a chuva

Simulador de chuvas foi utilizado para obtenção dos resultados do efeito da chuva sobre os defensivos agrícolas Se o produtor aplica um tratamento e chove é necessário refazer a aplicação ou a planta está protegida? Qual a intensidade da chuva que requer uma nova aplicação do produto? Essas e muitas outras são dúvidas de produtores e técnicos quando o assunto é proteger a planta de doenças e pragas. Para auxiliar

Rendimento de cultivo protegido para uvas de mesa  estimula agricultor a ampliar área de plantio

O agricultor Alexandre Lunelli, do distrito de Tuiuty, produz uvas no sistema cultivo protegido há mais de cinco anos, segundo ele, para diversificar a produção dos seis hectares de uvas viníferas, somadas ao meio hectare de uvas para suco que entrega na Cooperativa Aurora. Com pouco mais de meio hectare entre s uvas de cultivo protegido, Lunelli vende direto ao público. “ Durante a semana atendemos em média 10 clientes

Pesquisa sobre uvas de mesa completa 10 anos

Pesquisadores da Embrapa Uva e Vinho começou a estudar a produção em 2003 e Bento Gonçalves é a cidade serrana com destaque para essa modalidade de uva O segmento de uvas de mesa está crescendo na região da Serra Gaúcha, tradicional produtora de uvas para processamento. A responsável pela pesquisa na Embrapa é Patrícia Silva Ritschel. De acordo com o pesquisador da Embrapa Uva e Vinho e chefe adjunto de

Excesso de produção e estrutura precária são responsáveis pela queda de parreirais diz pesquisador

A queda de parreirais tem afetado agricultores da região do Vale dos Vinhedos nesta safra. O Técnico de Viticultura, Roque Antônio Zilio, elenca alguns motivos responsáveis pela queda de parreirais. “A super safra, excesso de produção, estrutura antigas e falta de manutenção são os principais motivos para a queda dos parreirais. Os agricultores não estão fazendo a manutenção da estrutura e ele tem que ser periodicamente verificado porque são arames

Quedas de parreirais causam perdas para agricultores no Vale

Por conta do mau tempo, na região do Vale dos Vinhedos, Pinto Bandeira, Tuiuty e Faria Lemos têm ocorrido quada de vinhedos. O agricultor Mateus Batistello, na Linha Oito da Graciema, comentou sobre a perda que teve na sua colheita por conta da queda de um de seus parreirais: “o parreiral caiu no início deste mês de fevereiro e, infelizmente causou uma grande perda para a nossa colheita”. revela o