Kids

Como as crianças reagem ao divórcio de acordo com a idade?

Não importa a idade, o divórcio sempre é doloroso para os filhos   Muitos pais acreditam que a separação afeta apenas o casal. No entanto, isso não é verdade quando há filhos envolvidos. Você já parou para pensar em como as crianças reagem ao divórcio? Mesmo que você não preste atenção nelas, as mais jovens sofrem com o divórcio, com as discussões, com os mal-entendidos e tudo o que pode

Cai ou não cai gigante para as crianças se divertirem nas férias

Nem os adultos vão resistir e vão querer brincar também   Para fazer, é preciso uma grade de fibra ou metal para criar a estrutura que vai segurar as bolas e madeirinhas para serem as varetas. Depois de montar a estrutura, é só jogar as bolinhas dentro, que ficarão presas pelo emaranhado de varetas. Os jogadores vão retirando as varetas uma de cada vez, tentando evitar que as bolinhas caiam

Paninho e naninha de estimação ajudam no desenvolvimento dos pequenos

Um paninho, naninha, brinquedo, coberta ou qualquer outro objeto pode ter um valor muito além do sentimental para as crianças pequenas. Chamados de “objetos de transição”, estas pequenas coisas ajudam o bebê a encarar as mudanças na primeira infância. Estes itens são considerados uma parte importante no crescimento dos pequenos, já que eles se apegam a esses objetos como forma de apoio para enfrentar as transformações que começam a acontecer

Balinhas de gelatina em formato de lego para divertir os pequenos

Basta uma simples mistura de xarope de milho, água fria e gelatina (com sabor e sem sabor) colocados em moldes de silicone (que podem ser encontrados, por exemplo, no Mercado Livre) do mesmo formato das icônicas pecinhas Lego. Elas se transformam em uma divertida sobremesa capaz de agradar adultos e crianças. Ingredientes 1 caixa de gelatina com o sabor de sua preferência; 2 envelopes de gelatina sem sabor; ½ de

Brincadeira de ciências: será que você vai ter um filho cientista?

Geralmente, a maioria dos pais, praticamente exige que as crianças pratiquem algum espore ou então se interesse por alguma atividade musical ou artística e acaba se esquecendo de estimular o gosto por matemática ou ciências. É possível criar coisas incríveis e surpreender as crianças com brincadeiras de ciências. Que tal criar uma erupção colorida? Apesar de muito simples, é uma brincadeira que surpreende os pequenos. Os materiais necessários são: bicarbonato

Colocando em ordem o sono dos pequenos

A hora do soninho deve ser tranquila para os pais e também para os filhos   Acordar cedo é chato, mas, com as orientações certas e com uma grande dose de paciência, é possível sim, acertar o sono das crianças. Se o período fim- de férias-carnaval-fim do horário de verão parece causar muito transtorno, com os macetes abaixo é possível que os pequenos tenham uma boa noite de sono sem

Você precisa fazer com seu filho essas fotos fofas de Natal

A época de Natal já é naturalmente linda com árvores, enfeites e luzes e você pode aproveitar e tirar fotos memoráveis com o seu filho (mesmo que ele ainda esteja dentro da barriga). Antes de tudo, é importante avaliar a segurança do ambiente para a criança: se usar bolas, o ideal é que sejam de plástico, já que as de vidro quebram facialmente. Se fotografar com luzes, se certifique de

16 atitudes para melhorar a vida da criança com TDAH

Ajude a criança a lidar com a falta de atenção, desorganização e impulsividade   O Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade é o transtorno psiquiátrico mais comum não-diagnosticado entre os adultos e um dos mais prevalentes na população mundial: 3 a 5% de adultos e crianças apresentam o problema, segundo o psicólogo clínico Ronaldo Ramos, diretor executivo da Associação Brasileira de TDAH.; “O uso de medicação contra TDAH pode

Oito jogos de relaxamento para criar crianças emocionalmente fortes

Em uma época em que usamos os tablets para acalmar as crianças, torna-se ainda mais indispensável treinar os nossos filhos em técnicas de relaxamento. Podemos fazer isso através de jogos que, ao mesmo tempo em que desenvolvem recursos para a vida das crianças, também permitem que elas se divirtam. Assim, tendo em conta que vivemos em uma sociedade que fomenta a pressa, os estímulos rápidos e a gratificação imediata, é

Mas porque os nossos filhos não nos obedecem  como nós obedecíamos aos nossos pais?

O importante é criar um plano que inclua regras para toda a família. Um plano que ajude os seus filhos a serem obedientes, mas que seja prático, simples e rápido! Por isso, não precisa de muitos passos ou muitos elementos. Bastam 3 elementos-chave para ajudar os seus filhos a serem obedientes: regras, consequências e recompensas! Ter regras claras Pois é, tem mesmo que haver regras. As suas regras! Comece por